Gestão e Conservação de Fauna e Flora

A gestão dos recursos florísticos e faunísticos implica o conhecimento de uma série de procedimentos próprios das estratégias de conservação de espécies e habitats, tais como a redação e desenvolvimento de planos de recuperação, de conservação e de maneio, ou a aplicação de técnicas de conservação e restituição. Como legislação de referência são tidos em conta os principais acordos e convénios internacionais para a conservação e gestão da biodiversidade, assim como a legislação básica nacional e autonómica.

Os nossos serviços incluem a elaboração de documentos técnicos de gestão, proteção e conservação de espécies de flora e fauna, para além da assistência técnica para a redação de planos de gestão de espécies protegidas, seleção e proteção das áreas de maior interesse, desenvolvimento de programas de criação/cultivo para reforço populacional, entre outras muitas atividades relacionadas.

  • Planos de ação sobre espécies ameaçadas.
  • Análises e controlo de fatores de risco.
  • Estudos sanitários e fitossanitários.
  • Peritagem e responsabilidade de pagamento de prejuízos.
  • Divulgaçãoe sensibilização
  • Aplicação de medidas de proteção legal.
  • Seguimentoe controlo da execução de medidas.
  • Cálculo de capacidade de suporte do território
  • Gestão da população ao longo das gerações.
  • Gestão de jardins botânicos, zoológicos ou aquários.

Assessoria para garantir, dentro do possível, a conservação das espécies tanto ao nível do indivíduo como populacional, e tanto in situ como ex situ, aplicando as técnicas mais adequadas para cada uma das espécies objetivo, facilitando assim a gestão de populações fragmentadas, a recuperação da conetividade, ou inclusivamente a reintrodução em zonas de onde desapareceram.

Especializados na execução de medidas de conservação de espécies protegidas e no controlo e erradicação de espécies invasoras competidoras ou predadoras.

  • Translocações de populações de interesse.
  • Prevenção e controlo de espécies exóticas.
  • Reintroduções e repovoamentos.
  • Maneio e adequação do habitat.
  • Protocolos de libertação e reintrodução.
  • Controlo da predação e outros fatores de risco
  • Protocolos de Multiplicação e regeneração.
  • Técnicas de cultivo in vitro, bancos de sementes e germoplasma.
  • Protocolos e trabalhos de recolha, seleção, preparação de material.
  • Crioconservação e conservação a longo prazo de material genético.

Planificação e gestão sustentável de  recursos cinegéticos e piscícolas, assim como análises de impacto destas atividades sobre os ecossistemas.

Assessoria e elaboração de modelos de ordenação cinegética (espécies de interesse cinegético, tipos de caça, modelos de gestão cinegética, legislação cinegética, etc.) e planificação e gestão dos recursos pesqueiros continentais e marinhos (espécies piscícolas, métodos de pesca e legislação pesqueira, produção pesqueira, stocks, capturas ótimas, e máximas sustentáveis, tamanhos mínimos recomendados, etc.)

Estudos genéticos  ao nível populacional para determinar o grau de variabilidade genética e consanguinidade, assim como patologias genéticas. Identificação ao nível das espécies e indivíduos a partir de indícios e restos dos mesmos e identificação de unidades de gestão populacional. Análises de variáveis ambientais e genéticas para realizar a Análise de Viabilidade Populacional (PVA) e calcular as Populações Mínimas Viáveis de uma determinada espécie num território concreto, e inclusivamente auxiliar na planificação e gestão de reservas genéticas.